Reposicionamento de marca: Como saber o momento ideal para executar o projeto

Bruna Gazabin
Reposicionamento de marca: Como saber o momento ideal para executar o projeto

Toda empresa valoriza a imagem positiva passada para seu público. E esse quesito é fundamental para manter a estabilidade no mercado e também para alcançar bons resultados. Porém, quando isso não acontece, está na hora de pensar sobre o reposicionamento da marca.

O ato de reposicionar uma marca no mercado, ou também conhecido como rebranding, é uma questão de extrema importância capaz de colocar uma empresa novamente em lugar de destaque através de uma estratégia sólida e embasada. 

Repaginar a imagem de uma empresa, não se trata apenas de mudar o aspecto visual, mas também de mudar a forma como você se comunica  e é percebida pelo seu público-alvo.

 

O rebranding pode ser feito por várias razões, como:

  • Para reforçar a imagem de sua marca;
  • Para se adaptar às novas condições de mercado;
  • Para renovar/revitalizar a imagem de marca.

 

O conceito de reposicionamento da marca

Simplificando, o reposicionamento pode ser entendido como um processo no qual uma empresa repensa sua imagem, ou em outras palavras, como a empresa quer que seu público-alvo a veja – melhorar a proposta de avaliação da empresa por parte do consumidor.

Para isso, a estratégia realmente precisa mudar! Na era em que a internet está tão em alta, já não basta anunciar “sob nova direção”, é necessário apostar na comunicação para ter uma nova linguagem, identidade visual e posicionamento para atender as expectativas e cativar o público.

 

Mantenha sua essência

Mudanças são bem vistas para fazer uma marca evoluir e se adaptar ao mercado, mas elas não podem fugir da essência e deixar as origens de lado. Portanto, o reposicionamento de marca deve preservar as raízes da empresa!

O foco deve ser nos ajustes ou redesenho de serviços/produtos, mas especialmente, na postura tomada frente à relação com o consumidor.

 

A importância do rebranding

Uma das principais razões de executar um reposicionamento de marca é: a opinião do consumidor acaba se tornando mais forte do que o posicionamento implementado para o mercado – todo o espectro de estratégia de branding é afetado e muda tudo relacionado a ele. 

Então, o mais importante de querer a mudança, é saber o momento certo para executá-lo. É preciso entender os fatores externos, para seguir com a implementação de novas estratégias.

  • Não é possível ter controle sobre os fatores externos (consumidor e mercado), mas é possível ter a percepção de novos hábitos de consumo do público da empresa e maus resultados de vendas.

 

Novas empresas no segmento também podem ser uma motivação. Novas idéias e abordagens diferentes podem influenciar em outras marcas. Mas lembre-se que o reposicionamento deve ser feito de tal forma que o impacto seja apenas o necessário. 

Pode ser feito através de: relações públicas, redes sociais, estratégias de marketing offline e online, parcerias com outras marcas, entre outros exemplos.

Então, se você quer começar a executar o processo de reposicionamento de marca da sua empresa, a Bddb.ag separou algumas dicas importantes a serem consideradas:

  • Faça uma pesquisa de mercado bem detalhada. Este passo é essencial para saber o que as pessoas pensam sobre sua empresa, seus produtos ou serviços.
  • Identifique seus pontos fortes e fracos a fim de planejar uma estratégia eficaz para melhorar o posicionamento dentro do mercado. 
  • Projete uma nova estratégia de branding. Uma vez que você sabe o que funciona melhor para seu negócio, é possível criar uma nova estratégia de branding que expresse a imagem que você quer projetar através de todas as extensões do marketing.
  • Sempre monitore todos os resultados através das campanhas realizadas na internet, para saber se o feedback é positivo ou negativo.

 

Se essa leitura despertou o desejo de criar uma identidade visual ou redesenhar a sua marca, faça uma consultoria com a BDDB.ag para reprojetá-la no mercado!