Mais do que vender produtos e serviços de qualidade e que tragam satisfação aos consumidores, as empresas compreenderam que o consumidor não espera da marca apenas um posicionamento lucrativo. Para estar em sintonia com um público cada vez mais exigente, é preciso que as empresas estejam também conectadas com as demandas políticas e sociais da região onde atuam.

É disso que trata o marketing social: posicionar a marca como uma empresa atuante em relação à realidade social da comunidade. Atrelar valores aos produtos e serviços engrandece a atuação da marca e fortalece, junto ao público, a compreensão do lugar que esta empresa ocupa na sociedade.

Ações de marketing que investem na responsabilidade social, como as campanhas de arrecadação de agasalho para pessoas carentes durante o inverno, deixam claro à sociedade que mais do que se importar com o bem estar dos clientes, as marcas têm preocupação honesta com aqueles que não são seus consumidores em potencial.

Há três anos, a Construtora Just, localizada em Maringá, deu início à “Campanha do Agasalho”, em que oferece pontos de arrecadação na cidade e faz a distribuição das roupas recolhidas à Fundação Isis Bruder. “Não é só pelo benefício de vermos nossa empresa vinculada a boas ações, nós queremos melhorar a qualidade de vida de quem precisa e estabelecer relações profundas com a cidade”, explica João Calaresi, analista de marketing da Construtora Just.

Impacto social acima do lucro

De acordo com Calaresi, é possível perceber que a performance de vendas da Construtora Just melhorou desde que as campanhas sociais passaram a ser uma das prioridades nas ações de marketing da empresa. “Nossos clientes também se engajaram na campanha do agasalho, nos ajudam a promovê-la e fazem doações. A ação tem um custo muito baixo para nós e o feedback positivo que recebemos do nosso cliente é excelente. Fidelizamos nosso público e ajudamos a quem precisa”, afirma.

Isso acontece porque os clientes se sentem respeitados e valorizados quando as empresas demonstram que não é apenas o lucro financeiro que intermediará as relações entre eles. Em tempos de crise econômica, deixar claro ao público que o dinheiro não é o único motivador de relacionamento fortalece a imagem da empresa e cria vínculos de confiança com os clientes. O importante ao promover ações de marketing social é ter a intenção sincera de se envolver com a sociedade, ajudar a modificar aspectos negativos que precisam ser melhorados e posicionar a marca de forma política.

A Consultale RH, sediada em Curitiba, passou recentemente por uma mudança de gestão e valores. Desde o ano passado, passou a priorizar ações sociais como uma forma de expressar ao seu público o posicionamento da marca. “Nós tivemos um custo muito baixo para promovermos a nossa primeira Campanha do Agasalho para este ano. Mobilizamos o nosso público interno e estamos engajados na mudança de foco. Queremos fazer a diferença e cumprir nosso papel social com a comunidade”, explica Mariana Ferrari, da área de marketing da Consultale RH.

É preciso planejar 

Como em qualquer ação de marketing, é preciso traçar um roteiro estratégico bem definido ao criar campanhas de cunho social. Preparar a forma de atuação, criar parcerias e definir a entidade a ser beneficiada, bem como o tempo de duração da campanha, são passos fundamentais para o sucesso das ações de responsabilidade social.

Segundo o analista da Construtora Just, a “Campanha do Agasalho 2015” foi incluída nas primeiras reuniões de planejamento estratégico do ano. “Levamos um mês para montar todo o planejamento e 15 dias antes de lançarmos, fizemos um último planejamento para alinhar o que faltava”, explica Calaresi.

Já na Consultale, o planejamento aconteceu dois meses antes da campanha ser lançada. “Foi um planejamento bastante simples de comunicação e organização dos pontos de coleta. Nossa campanha encerra dia 30 deste mês e superou nossas expectativas. O que ajudou bastante foi a localização da nossa empresa, que fica em uma área bastante central da capital”, conta Ferrara.

O Hospital Pequeno Príncipe, segundo Ferrara, será a instituição beneficiada com os agasalhos recolhidos. “Conhecemos o trabalho da organização e sabemos que há diversas famílias carentes atendidas pelo hospital. Apesar de já termos definido o público que receberá as doações, não deixamos de entregar agasalhos aos moradores de rua que nos pedem diretamente no escritório”, explica.

O sistema Fecomércio e entidades parceiras são pioneiros na elaboração de campanhas de arrecadação de agasalhos. Nesta sexta edição da ação, já foram recolhidas cerca de 96 mil peças e 66 instituições de todo o estado já foram beneficiadas. “Ano passado, arrecadamos mais de 270 mil peças e 264 instituições receberam os agasalhos. Para que a instituição receba os donativos, é preciso ser beneficiária do Mesa Brasil. Ou, caso queira participar, será avaliada por uma equipe técnica de assistentes sociais que verificarão a necessidade da organização”, explica Vanessa Estevan, coordenadora da Campanha do Agasalho 2015 do sistema Fecomércio.

De acordo com Calaresi, a meta de arrecadação de agasalhos da Construtora Just para este ano era de uma tonelada, quantidade que está próxima de ser alcançada. “Neste ano, decidimos ampliar a campanha e fizemos uma parceria com a Rádio Mundo Livre. No ano passado, a campanha teve duração de dois meses, mas percebemos que precisava ser mais curta para dar tempo de fazer as entregas ainda no alto inverno. Apostamos na parceria, reduzimos o tempo de campanha para um mês e, ainda assim, estamos muito próximos da meta de arrecadação”, afirma.

Iniciativas como estas lançam empresas de todos os portes a um novo patamar perante os consumidores: o de instituições que se preocupam com o seu entorno.

 

Conteúdo produzido por Contenido (www.contenido.com.br) para o portal De Olho No Mercado (comercial.rpc.com.br/deolhonomercado). Jornalista: Camila Vichoski. Designer: Marcos Lins. Editora: Paula Schütze.

Leave a Reply

  • Agências Coligadas:
  • Agência Massimo
  • Agência Vouk
  • WM Propaganda

Brasil

Curitiba – PR

BDDB

Av. Rep. Argentina, 1228 , Sala 2608 Água Verde CEP 80620-010

Curitiba - PR

+55 41 9855-7878

[email protected]

Brasil

Joinville – SC

Coligada Voük

Rua Gothard Kaesemodel, 220
Anita Garibaldi – 89203-400

+55 47 3028.8444

[email protected]

Brasil

São Paulo – SP

Coligada WM Propaganda

Av. Jovina de Carvalha Dau, 286
Taboão da Serra - SP
CEP 06754-200

+55 11 4701-5647
+55 11 98283-8498

[email protected]

USA (em breve)

New York – Soho

Escritório Operacional

154 Grand Street New York
NY 10013

646.664.4467

[email protected]