Durante muito tempo o objetivo de muitas empresas na internet era atrair mais likes para suas páginas e postagens. Isso porque essa quantidade era considerada o principal termômetro para medir o sucesso de publicações. 

No entanto, a partir do ano passado duas das principais redes sociais, o Facebook e o Instagram, deixaram de exibir o número de likes nas postagens.

A razão por trás dessa decisão está na saúde mental dos usuários. Segundo as plataformas, ao deixar de mostrar a quantidade de curtidas as pessoas se sentem menos ansiosas e pressionadas pela aprovação de terceiros.

Mas afinal, essa medida é boa ou ruim para os negócios? Continue lendo, pois nós vamos te dizer!

O que o fim dos likes representa para a sua empresa?

A ocultação dos likes obrigou muitas empresas a repensarem suas estratégias e ressignificar seus objetivos nas redes. 

Essa decisão das plataformas enfatiza ainda mais a importância de conteúdos bem produzidos e, claro, relevantes para os seguidores.

O que acontecia anteriormente é que certas empresas se voltavam para os números de curtidas e deixavam de lado a constância e qualidade das postagens. 

Além disso, muitas outras investiam e ainda investem  na compra de seguidores. Por esse motivo, a procura por “comprar seguidores teste” é algo muito comum nos motores de busca.

Tudo isso é um verdadeiro tiro no pé, já que atualmente as pessoas se interessam por aquilo que atenda as necessidades delas e não, somente,  por imagens chamativas  com legendas engraçadas que nada tem a ver com seus interesses. Lembre-se sempre que a informação é a grande estrela da internet. 

Pense, por exemplo, no que chama a sua atenção nas lojas físicas. Painéis de LED que veiculam vídeos e fotos publicitários são bem chamativos e, muitas vezes, servem para passar certas informações antes mesmo do cliente entrar no estabelecimento. 

É por esse motivo que a procura por totem farmacia vem crescendo bastante nesse segmento. Além disso, outras empresas também investem pesado nesse tipo de divulgação física. 

O mesmo vale para as redes sociais. Graças às funcionalidades de cada rede é possível criar conteúdos criativos e informativos que chamem a atenção de possíveis clientes e despertem o interesse deles antes mesmo de entrar diretamente em contato com a empresa. 

Métricas de vaidade

Como dito anteriormente, muitas empresas utilizavam as curtidas como principal métrica para medir não só o sucesso de suas postagens, mas também toda a estratégia de marketing nas redes sociais. 

Acontece que esses dados são conhecido como métricas de vaidade. 

Elas levam esse nome porque likes, visualizações, compartilhamentos, seguidores e outras métricas do gênero são muito boas aos olhos, mas pouco mostram sobre as negócios. 

Basta pensar, por exemplo, em uma empresa de reciclagem de materiais eletrônicos que fez uma postagem com a legenda “compro sucata”.

Só porque muitas pessoas curtiram e comentaram na postagem não quer dizer que elas irão efetivamente oferecer sucatas para venda. É por esse motivo que a empresa em questão precisa ficar de olho no engajamento gerado pelos seus posts, mas também observar outros dados, como alcance orgânico, de onde esses usuários estão vindo, qual o comportamento deles, entre outras coisas.

Só assim ela realmente vai tirar algum proveito das interações das pessoas na suas redes sociais.

Dito isso, podemos dizer que a ocultação de likes obriga as empresas a diminuírem a importância que dão para as métricas de vaidade. 

O que você pode fazer para alavancar o seu negócio nas redes?

Análise os dados

Se você era daqueles que davam muita atenção  para as métricas de vaidade, não precisa ficar desanimado.

Essa é uma ótima oportunidade de aprender mais e focar nas métricas que realmente te ajudarão a identificar novas oportunidades de venda. 

Sendo assim, passe a colocar seus esforços na análise de dados como:

  • Taxa de conversão;
  • CAC (Custo de Aquisição por Cliente);
  • Número de visitantes;
  • Entre outros.

Conteúdos de qualidade

Como já mencionado neste conteúdo, para fazer sucesso nas redes é preciso, acima de qualquer coisa, oferecer informações relevantes para os usuários.

Isso quer dizer não só abordar assuntos que interessam o seu público, mas também montar um plano de marketing abrangente que inclua outras estratégias. 

Dito isso, uma rede de academias de luta em sp, por exemplo,  pode e deve investir em um blog para que os usuários a achem mais facilmente no google. 

Outra estratégia a ser adotada é o investimento em conteúdos ricos nas próprias redes, como vídeos mais longos, dicas, dúvidas, etc. Além de anúncios pagos no Google e nas redes sociais. 

Landing pages, e-books, um site bem estruturado, dentre outras várias possibilidades, também devem ser consideradas por quem quer construir um marketing forte nas redes sociais e na internet no geral. 

O fim dos likes é o começo de um marketing mais forte 

Mesmo com o fim dos likes as redes sociais continuam sendo uma ótima vitrine para os negócios. 

Essa decisão diminui a pressão pela popularidade, principalmente em negócios pequenos, pois não importa quantas curtidas determinado post tem. 

O que realmente vai conquistar as pessoas é a qualidade dos conteúdos, o diferencial do serviço/produto oferecido e a interação com os usuários. 

Por fim, essa é uma oportunidade de testar conteúdos de diferentes formatos e até descobrir alguns interesses do seu público-alvo que você nunca testou pois tinha receios com relação a quantidade de curtidas. 

Conteúdo produzido pela empresa Business Connection

Leave a Reply

  • Agências Coligadas:
  • Agência Massimo
  • Agência Vouk
  • WM Propaganda

Brasil

Curitiba – PR

BDDB

Av. Rep. Argentina, 1228 , Sala 2608 Água Verde CEP 80620-010

Curitiba - PR

+55 41 9855-7878

[email protected]

Brasil

Joinville – SC

Coligada Voük

Rua Gothard Kaesemodel, 220
Anita Garibaldi – 89203-400

+55 47 3028.8444

[email protected]

Brasil

São Paulo – SP

Coligada WM Propaganda

Av. Jovina de Carvalha Dau, 286
Taboão da Serra - SP
CEP 06754-200

+55 11 4701-5647
+55 11 98283-8498

[email protected]

USA (em breve)

New York – Soho

Escritório Operacional

154 Grand Street New York
NY 10013

646.664.4467

[email protected]