As redes sociais, hoje em dia, são as principais formas de comunicação entre uma marca e seu público, ultrapassando, até mesmo, as publicidades tradicionais, como os outdoors e os anúncios na televisão. Por isso, saber produzir campanhas pagas é essencial.

Mas antes de tudo, é preciso entender a real importância das redes sociais para o seu negócio, ainda mais se você não começou a divulgar seus produtos e serviços por lá.

Conforme uma pesquisa da GlobalWebIndex, de 2012 a 2019 o consumo diário de redes sociais aumentou cerca de 62% em todo o mundo. Ainda de acordo com esse levantamento, o Brasil aparece como 2º país mais consumidor de redes sociais.

Esses dados, bem como uma breve pesquisa, podem comprovar a relevância de uma empresa que movimenta suas redes sociais com campanhas, sejam elas orgânicas ou pagas. Sendo que esta última será o foco de nosso artigo de hoje.

As vantagens das campanhas pagas

O investimento em anúncios pode aumentar a procura por produtos e serviços de uma empresa, bem como pode fazer com que o público conheça ou redescubra o negócio, ou até mesmo seja impulsionado para uma nova campanha, com um propósito em especial.

É inegável que uma empresa de pintura, por exemplo, ao fechar um contrato com uma rede de outdoors para divulgar um novo produto vá conseguir um resultado satisfatório, dependendo das estratégias que utilizar para essa divulgação.

Com as redes sociais é a mesma situação. Pensando de forma estratégica e garantindo informações que produzam um bom planejamento de anúncio, é possível concretizar um excelente resultado de vendas e crescimento.

Além disso, a presença nas redes traz maior relevância para uma marca, afinal, essa forma de comunicação conversa com um público mais ligado ao contemporâneo, o que renova a imagem e identidade da marca para o presente e futuro.

Mas para que tudo ocorra com exatidão e sem causar prejuízos, é preciso se atentar, primeiramente, para as redes sociais que poderão ser trabalhadas e para cada uma das possibilidades que elas trazem.

Tendo isso em vista, a sua empresa que vende fluxometro digital deve focar nesse segmento, não fugindo do tema e partindo, por exemplo, para falar sobre roupas infantis ou áreas sem relação direta com o produto.

Principais redes sociais para anúncios

Atualmente são quatro opções relevantes para um negócio no meio digital, cada uma podendo apresentar uma vantagem, um público específico a ser encontrado e diferentes formas de campanhas a serem executadas. Confira:

Instagram

O Instagram foi criado para ser uma rede específica de compartilhamento de imagens, algo que até hoje é uma das maiores possibilidades da plataforma. Porém, ao longo dos anos, a rede se popularizou tanto que se tornou um local próprio para negócios.

Em uma atualização do ano de 2020, o Instagram passou a implementar maiores condições para que clientes conheçam empresas e comprem seus produtos e serviços, de uma maneira mais prática e rápida, algo que revolucionou a forma de e-commerce.

É interessante destacar que essa rede tem um público jovem e geralmente antenado e interessado no compartilhamento de momentos. Empresas como maquina de salgados e doces podem ter ótimas oportunidades por lá, principalmente com a divulgação correta.

Por isso, os anúncios para o Instagram podem ser pensados por uma marca de modo a priorizar uma ótima qualidade de imagem atreladas a links e encaminhamentos para sites de compras.

Além disso, apresentar no feed da rede seus produtos e criar conteúdos interessantes é uma boa forma de atrair novos consumidores, desde que sejam incorporadas com textos curtos e rápidos, bem como uma boa identidade visual.

Facebook

Por muitos anos o Facebook prevaleceu como a rede social mais acessada do mundo. Embora sejam números cada vez menores, essa rede ainda é responsável por grande parte da popularidade e valor de empresas no mundo inteiro.

Atualmente, os anúncios na rede apresentam um grande número de conversões, caso sejam estrategicamente planejadas para um público- alvo certo. Uma boa ferramenta é o Facebook Ads, que permite a obtenção de dados relevantes sobre o público.

Por exemplo, uma loja de aplicação de sinteco SP  pode conhecer mais sobre seu público-alvo através de resultados e estatísticas de sua página, filtrando quais os conteúdos mais consumidos e dados como idades, sexo e horários de visitas.

Além disso, a possibilidade de campanhas em inbox de mensagens facilita ainda mais a divulgação de campanhas de empresas, além de aproximar fortemente o consumidor do cliente com respostas pessoais aos usuários.

O bom do Facebook, em quesito de anúncios, é que o valor a ser investido pode ser tanto baixo quanto alto, variando os dias de campanhas, públicos, locais e muitas outras possibilidades que a empresa pode escolher.

LinkedIn

Conhecida como a rede social dos profissionais, o LinkedIn ganhou espaço nos últimos anos como ferramenta para engajamento de marcas, especialmente aquelas que trabalham com produtos e serviços para outras empresas, as chamadas B2B.

Por exemplo, uma empresa de serviços contábeis pode utilizar a plataforma para anunciar conteúdos sobre seus colaboradores, clientes que já atenderam e serviços que oferecem, podendo conversar com clientes tanto por mensagens quanto no feed da rede.

Inclusive, a rede é uma boa ajudante para empresas que desejam espalhar seus valores e propósitos para o mercado, engajando tanto pessoas que desejam trabalhar naquele local, quanto clientes que optem por contratar seus serviços, por exemplo, uma consultoria fiscal.

TikTok

A nova rede social, que virou febre em 2020, fez com que vídeos rápidos, repletos de informações de fácil compreensão, virassem uma tendência para os próximos anos. 

Assim como o Instagram, essa rede tem como foco o público jovem, algo que pode ser extremamente necessário para empresas com esse perfil, como lojas de batedeira industrial planetária ou outros itens interessantes para crianças e adolescentes.

Embora os anúncios nessa rede ainda sejam uma ferramenta nova, os resultados mostram que o público ali engajado se fideliza em uma alta velocidade, algo bom para marcas que focam na produção de conteúdo constante e relevante.

Entenda como fazer uma campanha paga 

Agora que você já conheceu algumas das redes por onde podem ser feitas campanhas pagas, suas particularidades e vantagens próprias, é interessante que você foque em um planejamento de campanha paga. 

Para começar, é preciso que você faça um levantamento de informações sobre o seu público-alvo, seja nas suas redes sociais já existentes, pesquisas de mercado ou levantamentos de público feitos por empresas concorrentes.

Conhecer para quem você quer vender é essencial para manter o seu negócio e colocar dinheiro em uma campanha, justamente para que ocorram erros mínimos.

Com isso feito, o próximo passo é fazer um planejamento de conteúdo, se possível desenvolvendo as estratégias de Marketing de Conteúdo, que focam em produções otimizadas para cada rede necessária para a sua empresa.

Esse é o momento de “separar o joio do trigo”, fazendo a conexão do melhor conteúdo para a melhor rede, o melhor investimento de campanha no melhor meio de comunicação online, e também nos conteúdos ideias para o seu público.

Para isso entenda se você tem como foco:

  • Melhorar suas vendas;
  • Criar valor para sua marca;
  • Relançar sua empresa no mercado;
  • Estrear uma nova campanha.

Dependendo de suas preferências, as estratégias de Marketing de Conteúdo podem ser modificadas. Saber a certeza do que você quer pode guiar uma produção de conteúdo e anúncio em redes com resultados mais certeiros e a curto prazo.

Por exemplo, se seu foco é fazer com que seu público entenda a importância de 

AVCB para comercio, é possível que a forma de conversar e os locais onde os conteúdos serão divulgados seja diferente do lançamento de um novo curso de primeiros socorros.

Lembre-se que não basta apenas investir em publicidade paga se o seu conteúdo não for de qualidade, ainda mais para seu público consumidor. Por isso, opte sempre por contratar profissionais especializados.

Por fim, é importante que você aprenda a intensificar o lançamento de conteúdos e a manejar adequadamente a conversa com seu público, afinal uma das principais ferramentas da rede social é a forma direta de comunicação.

Focando nessas estratégias, é possível sim investir em campanhas pagas nas redes sociais com o mínimo de erros e dores de cabeça!

Conclusão

Agora que você já entendeu melhor sobre as redes sociais existentes, suas formas de anúncios e as estratégias que você deve seguir para criar campanhas adequadamente, nada melhor do que começar a trabalhar o conteúdo da sua empresa.

Tenha sempre a ideia do compromisso e da importância da sua presença, ainda que você não possa investir tanto dinheiro nela. 

Hoje uma empresa fora das redes é praticamente inexistente, por isso, foque sempre em estar à mostra, pois quem não é visto, acaba não sendo notado!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Para mais conteúdos como este, siga a BDDB.ag nas redes sociais.

 

Leave a Reply

  • Agências Coligadas:
  • Agência Massimo
  • Agência Vouk
  • WM Propaganda

PARANÁ

Curitiba – PR

BDDB.ag

Av. Rep. Argentina, 1228 , Sala 2608 Água Verde CEP 80620-010

Curitiba - PR

+55 41 2170-9197
+55 41 9855-7878

[email protected]

SANTA CATARINA

Joinville – SC

Coligada Voük

Rua Gothard Kaesemodel, 220
Anita Garibaldi – 89203-400

+55 47 3028.8444

[email protected]

SÃO PAULO

São Paulo – SP

Coligada WM Propaganda

Av. Jovina de Carvalha Dau, 286
Taboão da Serra - SP
CEP 06754-200

+55 11 4701-5647
+55 11 98283-8498

[email protected]

USA

New York – Soho

Escritório Operacional

154 Grand Street New York
NY 10013

646.664.4467

[email protected]